IPB Morada da Serra
História dao Presbiterianismo no Mato Grosso

HISTÓRIA DO PRESBITERIANISMO NO MATO GROSSO

PALAVRA DO PRESIDENTE DO SíNODO MATO-GROSSENSE NOS 150 ANOS DA IPB

Hoje, ao considerar o Trabalho Presbiteriano em Mato Grosso, inevitavelmente voltamos nossos olhos para os nossos primórdios: a primeira Igreja organizada (1860), o primeiro Presbitério (1864) e o primeiro Sínodo (1888). A primeira visita de missionários presbiterianos que Mato Grosso recebe data-se do início do século XX, mais precisamente aos 14 de outubro de 1913 e a primeira Igreja do Estado (Igreja Presbiteriana de Cuiabá) foi organizada aos 12 de outubro de 1902.
São 150 anos de presença presbiteriana no Brasil e 95 anos em terras mato-grossenses. Desde 1859, muitos deram suas vidas e milhares foram salvos do inferno.
Estamos no limiar do despontar de uma grande obra, quando os sonhos de homens como Simonton, Blackford, Chamberlaim, Schineider e Philippe Landes vão se tornando cada vez mais reais. Nossa amada Igreja Presbiteriana do Brasil cresce solidamente, ainda que não explosivamente. Mas, inegavelmente, a IPB tem marcado positivamente a história de nossa pátria e de nosso Estado ao longo desses 150 anos de existência em solo brasileiro.
Mas o sonho dos desbravadores pioneiros serve-nos de estímulo para lançarmos frente aos desafios de expandir ainda mais o presbiterianismo no nosso vasto Mato Grosso e, pela graça do bondoso Deus, colheremos os frutos de nossa dedicação ao Senhor da Igreja. Os dois Sínodos e os oito Presbitérios que jurisdicionam as 51 igrejas e 44 congregações, tem esse desafio diante de si.
Assim, estamos prontos para avançarmos no desenvolvimento da Obra do Senhor; empenhando pelo cumprimento de nosso solene dever de, enquanto discípulos do Senhor Jesus, cumprir o "ide" do Mestre.
Ao povo presbiteriano em seu Sesquicentenário, nosso desejo é que seu labor seja coroado de êxito, para a glória do Deus Trino. Para isso nos colocamos debaixo da graça do Bondoso Pai, dEle dependemos e somente nEle confiamos.

Que o SENHOR, em sua graça e misericórdia abençoe a Igreja Presbiteriana do Brasil.


Soli Deo glória!


Rev. Adilson Maciel de Araújo
Presidente do SMT

 

APÊNDICE
RESUMO DO PRESBITERIANISMO EM MATO GROSSO.

O Presbiterianismo começa em Genebra com João Calvino, mas foi com John Knox (discípulo de Calvino), na Escócia, 1560, que o mundo conheceu a forma presbiteriana de Igreja. Depois da suíça o presbiterianismo se espalha por vários países da Europa e com as imigrações ele se espalhou por várias outras regiões. Depois chegou aos Estados Unidos e de lá ao Brasil com o Missionário Ashbel Green Simonton, em 12 de Agosto de 1859, na cidade do rio de Janeiro. Depois da chegada de Simonton outros missionários vieram ao Brasil os quais marcaram a fase de implantação do Presbiterianismo brasileiro, são eles: Alexandre L. Blackford, Francis J. C. Schneider, George W. Chamberlain, Emanuel N. Pires, Hugh Ware McKee e Robert Lenington.
As décadas de 1870 e 1880 foram marcadas por uma grande expansão da obra em termos do número de missionários, pastores nacionais, novas igrejas e regiões atingidas e o grande nome dos pastores nascionais, foi sem dúvida, o primeiro pastor brasileiro, José Manoel da Conceição (O Padre Protestante). No começo os missionários concentraram-se em duas grandes regiões: No Sul do país (Inicialmente Rio de Janeiro, São Paulo e extremo sul de minas; posteriormente, Paraná e Santa Catarina) e nos estados da Bahia e Sergipe. Em 1873 chegaram outros dois importantes pioneiros: John Rockwell Smith, no Nordeste e John Boyle, que veio atuar no Brasil Central.
Somente no dia 14 de outubro de 1913 chega a Cuiabá o tropeiro Antônio Dias dos Santos junto com o missionário Rev. Franklin Graham, sendo recebidos pelo Sr. João Pedro Dias que como ele observa é um cristão interessado e também dono da Companhia Telefônica de Cuiabá. Seu trajeto continua e ele prossegue rumo a Bolívia. Mato Grosso o impressiona tanto que ele afirma no seu diário: "Mato Grosso, cujo nome ouvido a distância causa estranheza é muito mais avançado do que eu poderia imaginar. Liberdade de culto é lei reconhecida e obedecida. Há muito respito e não tem havido perseguição. Muitos dos habitantes têm se mostrado enérgicos [...] A Bíblia é bem distribuída na região [...] O interesse que demonstram por educação é maior. Tais circunstâncias levam-me a firme convicção de que Mato Grosso deveria ser ocupado primeiramente por nossa missão".
Com base nesta declaração a Missão Sul envia o Rev. Philip Landes homem instruído que lecionou no Colégio Liceu Cuiabano e popularizou o protestantismo tendo participado de um polêmico debate com Dom Aquino Corrêa mediado pelos jornais "A Cruz" (católico) e "Pena Evangélica" (presbiteriano).
Em 12 de outubro de 1920 a primeira igreja de Cuiabá já possuía condições de ser organizada e em 07 de setembro de 1921 era lançada a pedra fundamental do templo.
De lá para cá o presbiterianismo só cresceu no estado de Mato Grosso, pois nesta data, quando a igreja Presbiteriana do Brasil, comemora os seus 150 anos, o Mato Grosso conta com: 02 Sínodos; 8 Presbitérios, 51 igrejas organizadas [Veja Nota de Rodapé 01] , 37 congregações de igrejas e 07 congregações presbiteriais, outras dezenas de campos missionários presbiteriais, e 07 campos missionários da JMN, e ainda dezenas de pontos de pregações. Também temos várias escolas presbiterianas e um instituto Bíblico (IBAA) que tem formado dezenas de obreiros para a seara do Senhor. Já fizemos muito, mas ainda existem bairros e muitos municípios que ainda não estamos lá.
Que o Senhor da igreja nos desperte para a grande obra que Ele quer fazer através da IPB.

Rev. Francivaldo Ferreira Pinheiro (Prof. de História da IPB/IBAA)
Rev. Manoel Gonçalves Delgado Júnior (Formando em História na UFMT)


IPB EM MATO GROSSO-2008

SÍNODOS DE MATO GROSSO (2)

Sínodo Centro América

Sínodo Mato-grossense

PRESBITÉRIOS DE MATO GROSSO (8)

Presbitério Centro América (PCAM)
Presbitério de Várzea Grande (PVGD)
Presbitério de Rondonópolis (PRON)

Presbitério de Cuiabá (PCBA)
Presbitério Oeste Mato-grossense (PROM)
Presbitério Centro Matrogrocense (PRCM)
Presbitério de Alta Floresta (PRAF)
Presbitério Noroeste Mato-grossense (PNMT)

Igrejas de Mato Grosso e suas congregações [Veja Nota de Rodapé 02]

IGREJAS DO SÍNODO MATO-GROSSENSE

E SUAS CONGREGAÇÕES

Presbiterio de Cuiabá (PCBA)

Igreja Presbiteriana Central

Congregação do Pascoal Ramos

Igreja Presbiteriana Peniel

 

Igreja Presbiteriana Boa Esperança

 

Igreja Presbiteriana do Tijucal

Ponto de pregação Jd. Eldorado

Igreja Presbiteriana Betânia

Congregação Presbiterial Alvorada

Igreja Presbiteriana Morada do Ouro

 

Igreja Presbiteriana Lucas do Rio Verde

 


Presbitério Oeste Mato-grossense (PROM)

Igreja Presbiteriana Morada da Serra

Congregação Presbiteriana Jardim Vitória

Igreja Presbiteriana de Cáceres

Cong. do Junco, Rio Branco e Salto do Céu

Igreja Presbiteriana Lirio dos Vales

Cong. Porto Espiridião e Conquista do Oeste

Igreja Presbiteriana de Araputanga

Cong. Presbiterial de Talhameres e Esperança

Igreja Presbiteriana de Ponte e Lacerda

Congregação de Comodoro

Igreja Presbiteriana CPA II

Cong. Presbiteriana CPA III

Igreja Presbiteriana Planalto

Cong. Monte Sião e Altos da Serra

Igreja Presbiteriana Betel

 

Presbitério Centro Mato-Grossense (PRCM)

Igreja Presbiteriana de Tangará da Serra

Cong Presbiteriana Nova Olimpia e Sapesal

Igreja Presbiteriana Nova Jerusalém

Cong. P. Campo Novo do Parecis e brasnorte

Segunda Igreja Presbiteriana Tangará da Serra

 

Igreja Presbiteriana de Barra do Bugres

 

Igreja Presbiteriana de Rosário Oeste

Congregação P. de Brumados e Macacos

Igreja Presbiteriana de Nobres

 

Igreja Presbiteriana de Diamantino

 

Igreja Presbiteriana de Arenápolis

 

Igreja Presbiteriana de Nortelandia

 

Presbitério de Alta Floresta (PRAF)

Igreja Presbiteriana de Alta Floresta

Congregação Presbiteriana Carlinda

Igreja Presbiteriana de Sinop

Congregação P. Jd. Violeta e Feliz Natal

Igreja Presbiteriana de Marcelândia

 

Igreja Presbiteriana de Colider

 

Igreja Presbiteriana de Guarantã do Norte

 

Presbitério Noroeste Mato-Grossense (PNMT)

Igreja Presbiteriana de Juara

Congregação Presbiteriana de Juara

Igreja Presbiteriana de Juina

C. P. Módolo 6, Linha 07 e Palmiteira

Igreja Presbiteriana de Castanheira

 

Igreja Presbiteriana de Aripuanã

 

 

IGREJAS DO SÍNODO CENTRO AMÉRICA

E SUAS CONGREGAÇÕES

Presbitério Centro América (PCAM)

Igreja Presbiteriana do Areão

Congregação Presbiteriana Adonai e Betel

Igreja Presbiteriana das Cerejeiras

C.P Monte das Oliveira e Ponto de Preg. Guarita

Igreja Presbiteriana Jd. Paulista

C. P. do Cophamil e do Praeiro

Igreja Presbiteriana Ebenezer

Congregação Presbiteriana do Pedregal

Igreja Presbiteriana de Campo Verde

 

Igreja Presbiteriana Betel (Dom Aquino)

Congreção Presbiterial do Poção

Igreja Presbiteriana Filadélfia

 

Presbitério de Varzea Grande (PVGD)

Igreja Presbiteriana de Várzea Grande

Cong. presb. Jardim Glória

Igreja Presbiteriana do Cristo Rei

 

Igreja Presbiteriana Jd. Guanabara

C. P do Itapajé e Pedra 90

Igreja Presbiteriana do Carumbé

Cong. Presbiteriana Dr. Fábio

Igreja Presbiteriana de Chapada do Guimarães

 

Igreja Presbiteriana Asa Bela

Cong. Presbiterial de Paranatinga

Presbitério de Rondonópolis (PRON)

Igreja Presbiteriana Central de Rondonópolis

 

Igreja Presbiteriana Vila Aurora

Cong. Presbiteriana Rondônia e Jd. Europa

Igreja Presbiteriana Vila Operária

 

Igreja Presbiteriana de Primavera do Leste

 

Igreja Presbiteriana da Vila Planalto ( Jaciara)

Cong. Presbiteriana da Cohab São Lourenço

Igreja Presbiteriana de Juscimeira

 

CAMPOS MISSIONÁRIOS DA JMN NO MT-2008 [Veja Nota de Rodapé 03]

 

 

Cotriguaçu

Daniel Utsuni de Camargo14/8

Sorriso

Rev. João Alves Pereira-03/09

Juruena

Rev. Edivair peres do Carmo-25/3

Colniza

Rev. David C. de Souza-03/03

Nova Monte Verde

Ivanda Maria Borge-20/12

Tapurah

Rev.Ailson J. de Sant'anna -13/04

Itanhangá

Rev. Deivison Jr. P. Goutinho-26/11

 

 

ESCOLAS PRESBITERIANAS EM MATO GROSSO

Cidade Nome da Escola

Alta Floresta

Escola Presbiteriana de alta Floresta

Cuiabá

Escola Presbiteriana de Cuiabá

Cuiabá

Escola Evangélica Elchaday

Matupá

Escola Presbiteriana de Matupá

Chapada dos Guimarães

Escola Evangélica de Buriti

Tangará

Instituto Presbiteriano de Educação Simonton

Juína

Colégio Presbiteriano de Juína

01 - Estamos falando só das igrejas jurisdicionadas pelos presbitérios de Mato Grosso, pois temos igrejas e congregações em Mato Grosso (nas cidades mais ao sul de Mato Grosso) que fazem parte do presbitério do Vale do Araguaia (Goiás), por exemplo: Barra do Garça, Guiratinga, Agua Boa, etc.

02 - Fonte: Banco de dados do IBAA (atualizado)

03 - Fonte: Revista da JMN


Igreja Presbiteriana Morada da Serra. Rua Acre, n. 978 - Bairro CPA 2 - Cuiabá/MT
Telefone: (65) 3641 2399
Fale Conosco